Conheça
Núcleos
Notícias
Diretórios
Estatuto
Documentos
MDB Drive
Filie-se
Participe!

‘O caminho que precisamos construir é pelo centro’, diz presidente do MDB – em entrevista para O Globo

Em entrevista ao jornal O Globo, publicada neste domingo (28), Baleia Rossi afirma que Simone Tebet está na disputa para liderar união entre siglas, e que Moro é uma preocupação mais de Bolsonaro, por estar à direita

BRASÍLIA — Presidente nacional do MDB, o deputado federal Baleia Rossi (SP) organiza para o dia 8 de dezembro o lançamento oficial da pré-candidatura da senadora Simone Tebet (MDB-MS) à Presidência da República. A quem coloca em dúvida a seriedade do projeto nacional do partido, o dirigente diz se tratar de um “desrespeito com o MDB” e preconceito contra a única mulher candidata. Rossi, que tem mantido conversas com presidentes de diversas legendas, é um defensor da união de partidos de Centro para uma candidatura única, que fuja de três nomes: o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), o presidente Jair Bolsonaro —que se filiará na terça-feira ao PL — e o ex-ministro Sergio Moro (Podemos).

Há vários nomes sendo lançados por partidos de Centro. O senhor acredita em uma aglutinação dessas candidaturas?

Eu sou a favor e trabalho muito por uma unidade dos partidos de Centro. Partidos que defendem a democracia, que estiveram unidos em vários momentos no passado e, recentemente, sempre em defesa da Constituição e das instituições democráticas. Acredito que a Simone tem todas as condições de liderar essa reunião de partidos. Tenho conversado muito com Bruno Araújo (PSDB), (Luciano) Bivar (União Brasil) e outros presidentes que entendem que nós precisamos de um caminho fora dos nomes que tenham um recall eleitoral muito grande, mas não representam exatamente o que a população quer.

O lançamento da pré-candidatura do ex-ministro Moro acelerou o processo para que outros partidos, incluindo o MDB, também fizessem o mesmo?

Não. No nosso caso, especificamente, a questão da CPI retardou um pouquinho o lançamento. Há mais uma preocupação do próprio presidente Bolsonaro e dos seus seguidores, porque a candidatura de Moro se encaixa mais à direita e acabará abraçando os bolsonaristas arrependidos. Nós estamos tentando construir uma candidatura mais ao centro.

Até agora, a senadora Simone Tebet é a única mulher pré-candidata à Presidência. O quanto esta questão influenciou na escolha?

Primeiro, nós vimos que ela é uma emedebista histórica; sempre militou no MDB. Vimos as qualidades dela, a formação e o próprio desempenho que teve na CPI da Covid. A nossa avaliação é que ela ajudou o Brasil, que ela teve coragem. Ela mostrou ser uma pessoa absolutamente preparada para enfrentar os desafios que virão. Pesou muito mais na decisão do partido esse histórico de experiência e de coragem que ela tem do que o fato de ser mulher.

Para ler a entrevista na íntegra, acesse: https://oglobo.globo.com/politica/o-caminho-que-precisamos-construir-pelo-centro-diz-presidente-do-mdb-25295658  

 

Publicações

Relacionadas